\ Calça jeans e barra desfiada? Pois é…

Todo mundo já sabe que estamos revivendo os anos 90, não é mesmo? Depois que li esse post me convenci totalmente que aquela época voltou com tudo e com todos os elementos possíveis! Não posso reclamar, amei há 20 e tantos anos, to amando agora também.

O único problema é que nem sempre as tendências de moda voltam do jeitinho que a gente lembrava, né? O maior exemplo é a calça jeans com barra desfiada, lembram dela? Lembro que quando eu estava no colégio todo mundo tinha uma que arrastava no chão (combo perfeito era com Keds rs) e se não comprava pronta, cortava a barra ou usava muito até os fios desfiarem. Amava a minha com modelagem bootcut e lavagem bem clarinha. #sdds

Bem, outro dia estava dando uma olhada nas vitrines e não é que comecei a ver muitas calças jeans com barras desfiadas por aí? O único problema é que as que eu vi não eram como a minha finada e amada calça, a maioria era skinny e com desfiados beeeem grandes, que lembravam franjas. Meu cérebro deu tilt.

Não é que eu não gostei, alguns looks realmente ganharam personalidade com a barra ~diferentona.

Só que em muitos eu achei que as franjas atrapalharam, criaram uma informação extra e completamente desnecessária, muitas vezes em looks que já eram maravilhosos sem ela.


Pelo o que eu entendi, acho que a melhor forma de aproveitar esse destaque é com scarpin ou uma sandália delicada, mas aí comprar uma calça que vai funcionar direito com apenas 2 tipos de sapatos é um dinheiro muito do mal gasto, né?

Acho que esse é o tipo de peça que só vale a pena comprar se você realmente se identificar ou achar que vai fazer diferença no seu armário. Isso pode parecer muito óbvio, mas quando falamos de tendências, muitas nos deixam meio cegas para o futuro e a gente acaba gastando com uma bobeira que em poucos meses estará encostada no fundo do armário. Algumas peças podem até valer o investimento passageiro, mas para mim, não é o caso dessa calça.

Alguém aqui gostou e acha que vale a pena ter no armário?

Beijos!


 

\ comentários


\ Os mais amados